Andréa da Rosa Sampaio

Professora Permanente 

Currículo Lattes   ORCID       

Arquiteta e Urbanista (UFF, 1987), Mestre em Desenho Urbano (Univ. Nottingham, 1993) e Doutora em Urbanismo (PROURB/UFRJ, 2006). Pós-Doutorado (CES – Universidade de Coimbra, 2016). Investigadora e coorientadora no Programa de Doutoramento Patrimónios de Influência Portuguesa da Universidade de Coimbra. Produção acadêmica com ênfase em patrimônio cultural, reabilitação urbana, ordenamento urbanístico, história urbana e expressão gráfica. Pesquisadora com apoio da FAPERJ – JCNE e do CNPq bolsa PQ-2. Premiações em concursos de projetos, pela tese de Doutorado, por orientações de projetos e pesquisas.

Projeto de pesquisas em andamento

– Patrimônio Cultural e Habitação: Perspectivas Comparadas sobre Reabilitação Urbana – Apoio FAPERJ: Bolsas JCNE [2018-2022], TCT-5, IC 

O projeto tem como objetivo a investigação do potencial do patrimônio cultural como elemento qualificador da cidade contemporânea, através de estudos de caso paradigmáticos de reabilitação urbana na Itália (Bolonha) e Portugal (Porto, Guimarães e Lisboa), pautados nas dimensões urbanísticas e sociais locais, e particularmente, no papel chave da moradia para a salvaguarda e conservação do patrimônio urbanístico. Propõe-se consubstanciar um corpo teórico e metodológico visando a construção de um quadro ampliado do conhecimento no assunto, buscando contribuir para equalizar o descompasso entre as políticas de reabilitação urbana e habitacionais, particularmente em relação ao patrimônio urbano da área central do Rio de Janeiro.

– Salvaguarda do Patrimônio Cultural, Habitação e Reabilitação Urbana: Perspectivas Entrelaçadas – Apoio CNPq Bolsa PQ 2 [a partir de 2020]

Propõe-se a investigação de casos de referência de salvaguarda do patrimônio edificado e reabilitação urbana, pautados por sua relevância em termos de conservação integrada, da participação social e na recuperação de moradias. Serão examinadas experiências em Portugal, em perspectiva comparada às propostas para a área urbana central do Rio de Janeiro e de outras cidades do Brasil, buscando consubstanciar referenciais para a reflexão sobre o tema. Busca-se aprofundar pesquisas em curso no sentido de evidenciar a relevância da presença de moradias para a salvaguarda do patrimônio urbanístico como um instrumento qualificador da vida na cidade contemporânea. 

– Atlas do Patrimônio Urbano da Área Central do Rio de Janeiro – Apoio CNPq bolsa PIBIC [a partir de 2013] e UFF bolsa PIBINOVA [a partir de 2020]

Visando documentar o processo de salvaguarda do patrimônio cultural da Área Central da Cidade do Rio de Janeiro, sob uma perspectiva urbanística, o projeto gerou o Atlas online <atlasrio.maps.arcgis.com> a partir da conjugação com o projeto de estágio Pós-Doutoral (PNPD-CAPES) de Guilherme Mattos, a partir de 2019. O Atlas propicia uma leitura analítica e contextualizada historicamente do processo de patrimonialização e das transformações urbanísticas da área, expondo planos e projetos urbanísticos que moldaram a configuração da cidade, cuja realização em vários casos ameaçou o patrimônio edificado, conforme visualizado com a sobreposição dos projetos urbanos históricos às bases cadastrais da época, com apoio de iconografia e cartografia históricas e atuais.

Projetos de extensão encerrados

Coordenados juntamente com o prof. Sergio Bahia (EAU-UFF), os seguintes projetos de Extensão: “Patrimônio Cultural, Paisagem e Sociedade: desafios da Conservação em Santa Maria Madalena-RJ” (Edital PROEX 2011/MEC); 

‘Conhecer Para Conservar: ferramentas para a Gestão do Centro Histórico de Santa Maria Madalena-RJ” (PROEX-UFF, 2013).

Informação do Grupo de Pesquisa (GP)

Vice-líder do grupo de pesquisa Cidade como Documento da História Urbana (CiDHUrb), liderado pelo Prof. José Pessoa, sediado no PPGAU-UFF. O grupo tem como eixo de discussão a relação entre a produção do conhecimento na área de história da arquitetura e do urbanismo e as práticas de salvaguarda e restauro do patrimônio arquitetônico e urbano. No âmbito desta relação, estão contemplados os estudos de leitura morfológica dos tecidos urbanos, de caracterização de tipologias tradicionais e da compreensão das teorias e práticas de preservação do patrimônio edificado dos países de língua portuguesa. Membro do Laboratório de Patrimônio Cultural e Cidades Contemporâneas – LAPA (PROURB/ FAU/ UFRJ).

Atualizações

Menção Honrosa na Premiação CAU+ Diversidade 2023.

Menção Honrosa na Premiação CAU+ Diversidade 2023.

É com grande satisfação e alegria que anunciamos que a dissertação de mestrado intitulada "Mulheres e Subúrbios Cariocas: Uma Perspectiva Feminista Interseccional da Segregação Espacial na Vida Cotidiana" da Lívia Perfeito Sampaio, mestre pelo PPGAU/UFF, sob a...

Translate »
Skip to content